Forrest Gump – O Contador de Chroma Keys

Além da maravilhosa atuação de Tom Hanks e do ótimo roteiro, Forrest Gump (1994) com certeza foi um filme marcante para os efeitos especiais. A data pode aparentar não ser muito antiga, mas é bom lembrar que no início da década de 90, apesar de já haver o uso de computadores, eles ainda eram bem caros e não tão popularizados assim – não existia nem internet direito. Portanto, os efeitos visuais conseguidos no filme, tão naturais que parecem inexistentes, são algo de certa forma à frente de sua época.

Muita coisa foi resolvida usando chroma key, técnica em que se filma um personagem ou algo que esteja em primeiro plano num fundo azul ou verde, sendo possível substituir esse fundo por um vídeo depois. Um bom exemplo é a cena inicial da pena voando até o pé do Forrest:

Outro ponto forte dos efeitos especiais do filme são as partes em que Forrest aparece em cenas históricas reais, como aquela em que cumprimenta John F. Kennedy dizendo que “precisa fazer xixi”. O vídeo mostra como isso foi feito a partir dos 1:55:

Anúncios

Um comentário sobre “Forrest Gump – O Contador de Chroma Keys

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s